PF confirma que restos mortais encontrados são de Bruno Pereira – Notícias – Polícia – Nominuto.com

Reprodução redes sociais Resto mortal é mesmo do indigenista Bruno Araújo Pereira.

Os restos mortais localizados no Vale do Javari, no Amazonas, são do jornalista britânico Dom Phillips e do indigenista Bruno Araújo Pereira. A confirmação sobre o corpo de Bruno foi dada pela Polícia Federal na manhã de hoje (18).

Na sexta (17), os peritos criminais do Instituto Nacional de Criminalística da PF já haviam confirmado que exames feitos em arcada dentária eram compatíveis com o jornalista.

Ainda neste sábado, as investigações tiveram outro avanço. Jeferson da Silva Lima, conhecido como Pelado da Dinha, foi preso. Ele é um dos suspeito de ter envolvimento nas mortes.

O homem se entregou ao saber que estava sendo procurado pelo crime. Um quarto suspeito também é procurado. Duas pessoas já estão presas pelos assassinatos: os irmãos Amarildo da Costa de Oliveira, conhecido como “Pelado”, que confessou o crime, e Oseney da Costa de Oliveira, ou Dos Santos.

Sem mandantes

A PF informou nessa sexta-feira (17) que as investigações sobre a morte do jornalista e do indigenista levantaram indicativos da participação de mais pessoas nos assassinatos.

Entretanto, a corporação afirma que “os executores agiram sozinhos, não havendo mandante nem organização criminosa por trás do delito”.

A União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja) contestou a versão anunciada pela Polícia Federal de que não há mandante. “O requinte de crueldade utilizado na prática do crime evidenciam que Pereira e Phillips estavam no caminho de uma poderosa organização criminosa que tentou a todo custo ocultar seus rastros durante a investigação”, frisou nessa sexta, em nota, a Univaja.

Para a entidade, o posicionamento da Polícia Federal “desconsidera as informações qualificadas” oferecidas pela associação.

Desde o segundo semestre de 2021, de acordo com a Univaja, ofícios apontam a existência de um grupo criminoso organizado atuando nas invasões constantes na reserva do Vale do Javari.

A Univaja afirma que os dois principais suspeitos de envolvimento no assassinato, os irmãos Pelado e Dos Santos, fazem parte desse grupo criminoso.

Fonte: nominuto.com/noticias/policia/pf-confirma-que-restos-mortais-encontrados-sao-de-bruno-pereira/226896